Importante: este site não pretende conter a verdade. O leitor deve ser capaz de exercer o bom senso, examinavam cuidadosamente as Escrituras, todo dia, para ver se tudo era assim mesmo. (Atos 17:11)


O Deus dos deuses, Jeová, fala
Anos atrás, um das Testemunhas de Jeová comentou por que as igrejas preferem não usar o nome de Jeová. A razão é, ele sugeriu, que "Jeová não quer que eles fazerem." Como, evidentemente, é verdade!

Uma das razões comuns que as pessoas dão para evitar o nome é que ninguém sabe como o Hebraico YHWH deve ser pronunciado. Outros se opõem ao nome "Jeová" porque o hebraico não tem um som “J”. O raciocínio é que o nome deve ser pronunciado exatamente como um hebraico teria pronunciado o nome há 4000 anos, ou não. No entanto, as pessoas usam livremente as dezenas de outros nomes próprios hebraicos que também foram latinizados com a letra "J" e pronunciado completamente diferente do que em hebraico. Obviamente, o nome Jesus não foi escrito e pronunciado o mesmo em grego, aramaico, hebraico ou latim, como em português.
O que está claro, é que aquelas pessoas não apenas têm uma aversão ao nome de Jeová, elas têm uma repugnância profunda para a pessoa de Deus. A razão é que, como Paulo declarou sem rodeios no primeiro capítulo de Romanos, as pessoas "tinham ódio de Deus". Deixar Deus sem nome torna-o menos real, pelo menos em suas mentes incultas.
O que é notável, porém, é que o plano satânico para apagar o nome de Jeová do livro que ele inspirou fracassou espetacularmente.
Embora tenha havido um esforço concertado para remover o nome de Deus das traduções modernas da Bíblia e do uso comum, substituindo Jeová por Jesus na mente das pessoas, a Watchtower tem efetivamente combatido essa campanha. Não só o nome Jeová tornou-se comum em português, mas as Testemunhas de Jeová em todo o mundo publicaram o nome de Deus em centenas de línguas e dialetos. A Tradução do Novo Mundo em si é agora publicada em mais de uma centena de línguas - cada um usando o nome de Deus nos milhares de lugares que aparece em hebraico. Não é de estranhar que os que odeiam a verdade considerem a TNM uma tradução herética!
Como está agora, o mundo foi essencialmente dividido em dois campos. Aqueles que não sabem ou não invocam o nome de Jeová e aqueles que o fazem. De todas as aparências o palco está montado para que o julgamento comece. O Salmo 50 descreve assim:

O Deus dos deuses, Jeová, fala; Ele convoca a terra Desde o nascente do sol até o poente. De Sião, a perfeição da beleza, Deus resplandece. Nosso Deus chegará e de modo algum ficará calado. Diante dele há um fogo devorador, E ao redor dele uma violenta tempestade. Ele convoca os altos céus e a terra, Pois vai julgar o seu povo: “Reúnam a mim os que me são leais, Os que fazem comigo um pacto por meio de sacrifício.” Os céus proclamam a sua justiça, pois Deus é Juiz.

A próxima calamidade global servirá como a convocação oficial a toda a terra - a "terra" sendo, não o planeta literal, mas sim, os terráqueos que a habitam.
Como o apóstolo cristão Pedro revelou, o julgamento começa primeiro com a casa de Deus. (1 Pedro 4:17) É contra o pano de fundo da nação que se levanta contra nação, a escassez global de alimentos e pestilências abrasadoras que o fogo consumidor do julgamento de Jeová dará início a uma conflagração entre aqueles que invocam hipocritamente o nome de Jeová entre os líderes das Testemunhas de Jeová. A profecia de Isaías a descreve assim:

“Agora vou levantar-me”, diz Jeová, “agora vou enaltecer-me; agora vou magnificar-me. Vocês concebem feno e dão à luz palha. Seu próprio espírito os consumirá como fogo. E os povos se tornarão como algo queimado com cal. Serão queimados no fogo como espinheiros cortados. Ouçam o que eu farei, vocês que estão longe! E reconheçam o meu poder, vocês que estão perto! Os pecadores em Sião estão apavorados, os apóstatas estão tremendo de medo: Quem de nós pode morar onde há um fogo consumidor? Quem de nós pode conviver com chamas que não se apagam?’” – Isaías 33:10-14

Embora a Watchtower tenha sido instrumental em publicar o nome de Jeová em toda a extensão, a liderança da organização também profanou o nome de Deus e trouxe-o a repreensão. De fato, há uma crescente influência apóstata. Mas, tendo se posto em alto como os senhores do universo, a existência de apóstatas entre o povo de Deus se mostrará tão perecível quanto a erva seca e o amontoado diante de um fogo que ruge. Jesus não ilustrou isso mesmo quando falou dos anjos que arrancavam as ervas daninhas do trigo e as lançavam na fornalha ardente durante a conclusão?
A reunião dos leais de Deus ocorrerá fora do alcance da Watchtower Bible and Tract Society. Todos aqueles que continuarem a invocar o nome de Jeová durante a conflagração futura serão trazidos a uma nova realidade. Então, Jeová colocará seu nome sobre os indivíduos, ao invés de uma organização. Esses indivíduos são mencionados como tendo o nome do Pai e do Cordeiro escrito na testa. (Apocalipse 14:1) Obviamente, aqueles que se recusam a reconhecer o nome pessoal de Deus ou que abraçam a mentira de que Jesus é Deus, não podem estar entre os 144’000 escolhidos que têm o nome do Pai e do Cordeiro escrito sobre eles.
O capítulo 43 de Isaías fala da reunião de toda a terra para julgamento, durante o qual também ocorre uma reunião de todos os escolhidos. O mais notável é que os filhos e filhas de Jeová, aqueles que nasceram de novo como parte da nova criação, como foi Cristo, "o primogênito entre muitos irmãos" (Romanos 8:29), não basta invocam o nome de Jeová; antes, eles serão chamados pelo seu nome:

Direi ao norte: ‘Entregue-os!’ e ao sul: ‘Não os retenha. Traga meus filhos de longe, e minhas filhas, dos confins da terra, Todo aquele que é chamado pelo meu nome e que eu criei para a minha glória, que eu formei e fiz.’ Faça sair um povo que é cego, embora tenham olhos, e que é surdo, embora tenham ouvidos. Que todas as nações se reúnam num só lugar, e que os povos sejam ajuntados.”

Jesus falou deste grande ajuntamento ocorrendo depois da tribulação - a "violenta tempestade" que se arrasta ao seu redor, como é referido no Salmo 50. Jesus disse:

Imediatamente depois da tribulação daqueles dias, o sol escurecerá, a lua não dará a sua luz, as estrelas cairão do céu, e os poderes dos céus serão abalados. Então aparecerá no céu o sinal do Filho do Homem, e todas as tribos da terra então baterão no peito, de pesar, e verão o Filho do Homem vir nas nuvens do céu, com poder e grande glória. E ele enviará seus anjos com forte som de trombeta, e eles reunirão os seus escolhidos desde os quatro ventos, de uma extremidade dos céus até a outra extremidade deles.

Depois que os infieles apóstatas e impostores são eliminados do povo de Deus, a próxima fase do julgamento começa. Depois de terem sido disciplinados até o devido grau por terem blasfemado o nome de Jeová, aqueles que continuarem a invocar o nome de Jeová na verdade receberão o espírito em toda a medida. A profecia de Joel prediz que após a destruição da organização terrena Deus fará uma compensação, derramando seu espírito sobre todos os que invocam seu nome. Joel 2:28-32 lê:

Depois disso, derramarei meu espírito sobre todo tipo de pessoas, e os filhos e as filhas de vocês profetizarão, os homens idosos entre vocês terão sonhos, e os jovens entre vocês terão visões. E até mesmo sobre meus escravos e minhas escravas derramarei meu espírito naqueles dias. E realizarei milagres nos céus e na terra: sangue, fogo e colunas de fumaça. O sol será transformado em escuridão e a lua em sangue, antes de chegar o grande e atemorizante dia de Jeová. E todo aquele que invocar o nome de Jeová será salvo; pois no monte Sião e em Jerusalém estarão os que escaparem, assim como Jeová disse, os sobreviventes que Jeová está chamando.

Claramente, o nome de Deus é importante. Aqueles que se recusam a aceitá-lo são meramente desqualificando-se de receber a salvação durante o grande e inspirador dia de Jeová.
e-watchman.com

How to comment with Disqus?
The first way to comment is to register in Disqus. If you have no account, click on the Disqus logo and follow the instructions.
You can comment as a guest: check “I’d rather post as a guest” and follow the instructions.
You can sign with your Google, Twitter or Facebook account.
At the moment, comments are not moderate, however, please respect common sense rules and current laws. (Note that moderation may come a posteriori)


Please check this page to read our privacy policy and our use of cookies
This website may use cookies to give you the very best experience. If you continue to visit it, you consent to this - but if you want, you can change your settings in the preferences of your web browser at any time.